Home / UBER-Transporte Clandestino / Estudante acusa motorista do aplicativo Uber de estupro

Estudante acusa motorista do aplicativo Uber de estupro

="adsbygoogle" style="display:block" data-ad-client="ca-pub-2309922433896559" data-ad-slot="9960967624" data-ad-format="auto">

Estudante acusa motorista do aplicativo Uber de estupro

A Polícia Civil de Mogi das Cruzes está investigando um estupro que teria ocorrido dentro de um carro, durante a noite de sexta-feira passada, na região central do município

A Polícia Civil de Mogi das Cruzes está investigando um estupro que teria ocorrido dentro de um carro, durante a noite de sexta-feira passada, na região central do município. De acordo com a vítima, uma estudante de 16 anos, o autor do crime foi um motorista que presta serviço de transporte por meio do aplicativo Uber.
Em depoimento no 1º Distrito Policial de Mogi, a jovem informou que teria acionado um prestador para levá-la do Mogi Shopping até a casa de um familiar. Porém, logo depois de o motorista começar o trajeto, ele teria parado na rua Professor Álvaro Pavan e sacado um estilete, pelo qual teria ameaçado a estudante, caso ela tentasse reagir de alguma maneira.
O criminoso então teve relação sexual com a jovem e não utilizou preservativo. Depois de violentar a estudante, o motorista teria deixado ela no endereço que teria sido combinado.
A família somente ficou sabendo do suposto crime anteontem porque a vítima começou a se sentir enjoada e passou a vomitar. De início não foram encontradas lesões, porém ela deverá passar por exames no Instituto Médico Legal (IML). (F.M)
Fonte: PORTAL NEWS

Sobre Carlos Laia

Comandada por Carlos Laia , A Voz Do Taxista tem por objetivo levar a categoria dos taxistas informação, levantar o debate dos assuntos importantes para o desenvolvimento profissional de toda categoria.

DEIXE SUA OPINIÃO!