“O Guardiões da Cidade é uma iniciativa importante para que nós consigamos manter a cidade limpa e cada vez mais livre de atos de vandalismo”, disse o prefeito. “A colaboração dos taxistas tem sido fundamental e agora está sendo ampliada.”

="adsbygoogle" style="display:block" data-ad-client="ca-pub-2309922433896559" data-ad-slot="9960967624" data-ad-format="auto">

O projeto Guardiões da Cidade é uma extensão do programa Cidade Linda. Por meio dele, os taxistas são orientados pelas entidades a denunciar atos de vandalismo e pichações pelo telefone 153, por meio do qual a Guarda Civil Metropolitana pode ser acionada para conter rapidamente estas infrações. Também podem acionar a CET (telefone 1888) para auxiliar na solução de problemas de trânsito e o SAMU (192), no caso de emergências médicas.

Da reunião desta sexta-feira, participaram, além do prefeito João Doria, os secretários Julio Semeghini (Governo) e Sergio Avelleda (Mobilidade e Transportes), o vereador Adilson Amadeu, o presidente do Simtetaxi, Antonio Mathias (“Ceará”), o presidente da Adetaxi, Ricardo Auriemma, o presidente da Guarucoop, Edmilson Americano e o presidente do Sinditaxi , Natalicio Bezerra, além do advogado Fabio Godoy.