Home / TÁXI NEWS / Taxistas fazem carreata contra liminar que libera Uber em Salvador
Faturamento dos taxistas caiu pela metade após a chegada de aplicativos. (Foto: Carlos Nogueira)

Taxistas fazem carreata contra liminar que libera Uber em Salvador

="adsbygoogle" style="display:block" data-ad-client="ca-pub-2309922433896559" data-ad-slot="9960967624" data-ad-format="auto">

Taxistas fazem carreata contra liminar que libera Uber em Salvador

Permissão da Justiça para que motoristas do aplicativo circulassem na capital foi dada no Carnaval deste ano.

Foto: Nilson Marinho/CORREIO

Cerca de 300 taxistas saíram em carreata na manhã desta quarta-feira (24) em um protesto contra a liberação da Uber em Salvador. A categoria se reuniu na Avenida Bonocô e, por volta das 9h, começou o ato em direção ao Tribunal de Justiça da Bahia, no Centro Administrativo da Bahia (CAB). O trânsito na região do Ogunjá, retornando para o sentido Paralela, ficou lento.

Os taxistas ocuparam as duas faixas da via e foram acompanhados por agentes da Superintendência de Trânsito de Salvador (Transalvador). Durante o Carnaval deste ano, uma liminar da Justiça deu permissão para o motoristas circularem com o aplicativo.

Os taxistas chegaram a ocupar três faixas da Av. Paralela, deixando o trânsito lento na região. A orientação dos agentes da Transalvador era de que os manifestantes ocupassem apenas duas faixas.

“As entidades e os sindicatos enxergam que a liberação da Uber é uma concorrência desleal. Pagamos todos os nossos impostos em dia, cumprimos todas as regras exigidas pela prefeitura e fazemos vistorias anuais”, reclamou Ademilton Paim, presidente da Associação Geral dos taxistas (Aget) durante o ato.

Foto: Nilson Marinho/CORREIO

="adsbygoogle" style="display:block" data-ad-client="ca-pub-2309922433896559" data-ad-slot="9960967624" data-ad-format="auto">

“O aplicativo chega ao país, começa a circular e todas as exigências ainda continuam sendo cobradas apenas para os taxistas”, ponderou. A intenção da categoria era pressionar o judiciário para que se julgue a situação de forma favorável para os motoristas de táxi.

“Essa é a terceira vez que a audiência para a derrubada da liminar é cancelada. Pedimos compreensão do poder público e do Tribunal de Justiça para avaliar a nossa situação. A liminar, que permite que a Uber circule na capital foi concedida em fevereiro sem ser levado em consideração que o aplicativo é um transporte clandestino”, completou Ademilton Paim. Segundo os taxistas, uma audiência sobre o tema estava marcada para hoje às 11h no TJ-BA.

Procurada pelo CORREIO, a assessoria de comunicação do Tribunal informou que o processo está na pauta do Pleno, que acontece hoje. Mas o desembargador José Olegário Caldas pediu vistas – ou seja, o processo continua em pauta mas não será apreciado hoje.

Queda de renda
De acordo com Carlos Alberto, presidente do Sindicato Taxistas Auxiliares Salvador  (Simateb), depois da chegada do aplicativo na capital, o rendimento dos taxistas caiu cerca de 70%. A expectativa, segundo os organizadores, é que até o fim do protesto cerca de 2 mil trabalhadores se juntem à carreata.

Durante o protesto, os taxistas fizeram um homenagem ao ex-taxista Carlos Alberto Pinho, que se suicidou na tarde desta terça-feira (23). Todos os veículos estão com a inscrição de ‘luto’.

“Quase não durmo mais em casa, desde que a Uber começou a circular, tenho dobrado todos os dias. Passo dias e noites trabalhando e não consigo ver resultado. Ontem, por exemplo, fiz duas corridas. Enquanto o aplicativo só aceitava cartão, ainda dava pra conseguir alguma corrida. Antes eu consiga fazer até 12 corridas”, reclama o taxista Luiz Carlos Nascimento, 58 anos.

Fonte: Correios Bahia

="adsbygoogle" style="display:block" data-ad-client="ca-pub-2309922433896559" data-ad-slot="9960967624" data-ad-format="auto">

Sobre Carlos Laia

A Voz Do Taxista é um portal de notícias criado por Carlos Laia para levar informações a classe dos taxistas, acompanhando os acontecimentos, dando opinião e ouvindo os principais personagens do incrível mundo do táxi.

DEIXE SUA OPINIÃO!